sábado, 24 de outubro de 2009

Algumas Considerações Acerca da Alma

Sem ter pra onde fugir
Habitável se torna esse corpo decadente
Se escolho correr, já não mais posso dar a volta
Seu passo as vezes me falta, meu folego foge
Quero poder escrever entre minhas expectativas
Marchar rumo ao destino incerto dos certos pensamentos
Louvavel seria me atemporalizar
Lamentável seria me desmaterializar
Inestimavel seria poder apenas amar
Sem pensar, o lugar é pra isso
Isso me faz tentar organizar idéias
Livrei-me novamente do corpo decadente
Apenas vago por um caminho que não tem passagens
Sou levado a fazer as pazes com o mundano
Sou negado a deixar de ser uma máquina orgânica
Sou taxado de humano por não poder mais ...

E faço sempre e farei
Repetirei tudo mesmo que errado
Sempre assim no ritmo de sua respiração
Para ter no seu pensamento
O mesmo espaço que tens no meu coração.

2 comentários:

Marimprovavel 27 de outubro de 2009 16:16  

"Para ter no seu pensamento
O mesmo espaço que tens no meu coração"

O sonho de todos.

Ana Elisa 27 de outubro de 2009 20:47  

"Para ter no seu pensamento
O mesmo espaço que tens no meu coração"

Sem mais.
Lindo!

  © Blogger templates ProBlogger Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP