domingo, 22 de novembro de 2009

Progressão Geoassimétrica

Quase tenciono sua linha
Só pra tê-lo ao meu lado
Quase quebro toda essa dançante
Contínua estabilidade
Num lapso temporal lúcido
Na nossa vaga estabilidade
No sonho imerso em linha
Na linha que nos liga
Uma desconexão direta
Que me deixa perdido numa reta
Onde então sem direção
Encontro perdido
Você, minha meta.

1 comentários:

Juliana. 29 de novembro de 2009 12:03  

Essa meta, que nos faz seguir firmes, fortes, buscando mesmo sem direção um norte, que imerso na linha que nos liga a vida e a conexão do tempo, caminhamos perdidos, mais caminhamos..

  © Blogger templates ProBlogger Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP